top of page
  • Foto do escritorFrancyne Michelle

Como a nova resolução do CFM afeta as farmácias brasileiras na dispensação de anabolizantes?

Guia para gestores de farmácias estarem em conformidade com as normas estabelecidas pelo CFF e garantir a segurança dos seus clientes.



Recentemente, o Conselho Federal de Medicina (CFM) emitiu uma nova resolução que proíbe médicos brasileiros de prescrever esteróides anabolizantes para fins estéticos ou desportivos. Essa nova resolução tem um impacto direto nas farmácias do Brasil, que agora devem ficar atentas à dispensação desses medicamentos.


Para os gestores de farmácias, é importante entender o que mudou e como isso pode afetar seus negócios. A seguir, discutiremos as principais mudanças e o que você precisa saber para estar em conformidade com a nova resolução.



O que mudou?


A nova resolução do CFM, que entrou em vigor em 11 de abril de 2023, proíbe médicos de prescrever esteróides anabolizantes para fins estéticos ou desportivos. Essa proibição inclui substâncias como testosterona, nandrolona e oxandrolona, que são frequentemente usadas por atletas e bodybuilders para melhorar o desempenho físico ou melhorar a aparência.


A resolução também se relaciona com farmacêuticos, uma vez que esses são responsáveis pela dispensação.



Como isso afeta as farmácias?


Para as farmácias, essa nova resolução significa que os farmacêuticos precisam se certificar de que todas as prescrições de esteroides anabolizantes sejam para fins terapêuticos válidos e que estejam de acordo com as diretrizes estabelecidas pelo Conselho Federal de Farmácia (CFF).


Os gestores de farmácias também precisam estar cientes de que a venda inadequada desses medicamentos pode resultar em sanções e penalidades, além de colocar a saúde dos pacientes em risco.



Como estar em conformidade com a nova resolução?


Para estar em conformidade com a nova resolução do CFM, é essencial que os gestores de farmácias adotem as seguintes práticas:


  • Conheça as normas do CFF: os farmacêuticos precisam estar cientes das normas estabelecidas pelo CFF para a dispensação de medicamentos sujeitos a controle especial, incluindo esteróides anabolizantes.


  • Certifique-se de que a prescrição seja válida: antes de dispensar qualquer medicamento controlado, os farmacêuticos devem verificar se a prescrição é válida e se está de acordo com as normas do CFF.


  • Comunique-se com os médicos: os farmacêuticos devem manter um canal de comunicação aberto com os médicos que prescrevem esses medicamentos, a fim de garantir que as prescrições sejam destinadas a fins terapêuticos legítimos.


  • Treine sua equipe: é essencial que todos os membros da equipe estejam cientes das normas e práticas para a dispensação de medicamentos sujeitos a controle especial.



A nova resolução do CFM que proíbe médicos de prescrever esteróides anabolizantes para fins estéticos ou desportivos têm um impacto significativo nas farmácias do Brasil. Os gestores de farmácias devem estar cientes das mudanças e implementar práticas que estejam em conformidade com as normas estabelecidas pelo CFF. Adotando essas práticas, as farmácias podem garantir a segurança e a saúde dos pacientes, além de evitar sanções e penalidades.




Quer estar sempre informado sobre o mercado farmacêutico?

Acompanhe o BLOG PedBot e nos siga nas redes sociais!



Comentários


bottom of page